Pesquisar este blog

sábado, 26 de junho de 2010

Oficinas gratuitas do TEATRO OFICINA em Recife

O Teatro Oficina (SP) realizará no Recife as Uzynas Uzonas, um novo conceito de oficinas, transformadas em vivências artísticas.
São elas: direção e atuação, música, sonoplastia, iluminação, vídeo, arquitetura cênica e direção de arte, direção de cena, transmissão online e produção.
Serão destinadas 40 vagas para cada.
Inscrições (gratuitas) até 29 de junho de 2010. Acesse aqui

Clébio Marques
Vice-presidente da ARTEPE
Associação de Realizadores de Teatro de Pernambuco

quinta-feira, 17 de junho de 2010

Aprenda a Preencher os Projetos do BNB


Amigos,
O Banco do Nordeste do Brasil (BNB) realiza oficinas gratuitas de elaboração de projetos culturais para o Programa BNB de Cultura - Edição 2011 onde serão destinados R$ 6 milhões.
Outras informações clique aqui.

FONTE: Clébio Marques

Forum Taetro do Oprimido


I Encontro Latino Americano de Teatro do Oprimido e Dança Contemporânea
" O cotejamento do Teatro do Oprimido com outras formas poéticas"

São Paulo- Brasil -Julho 2010

INSCRIÇÕES ABERTAS
Amigas (os)
Em julho de 2010, entre os dias 14 e 17 acontecerá o I Encontro Latino americano de Teatro do Oprimido e Dança Contemporânea em São Paulo, que abrangerá outras poéticas artísticas.

O evento será realizado nas dependências do Instituto de Artes da UNESP-Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho e será organizado pelo GTO IA UNESP (Grupo de Teatro do Oprimido do Instituto de Artes)

Este encontro terá uma formação de 8 horas a partir da sistematização que vem sendo desenvolvida por Armindo Rodrigues Pinto e Jane Vieira (T.O. e Dança Contemporânea) no Grupo Revolução Teatral, que prioriza o movimento corporal como elemento cênico, na construção de esquetes de Teatro Fórum.

O Grupo Revolução Teatral formado por jovens e adolescentes da periferia de Santo André, sediado na Favela dos Eucaliptos, é referência na utilizaçãodas técnicas do teatro do Oprimido de Augusto Boal e há dois anos une essas técnicas ao Método Laban.

O corpo reciclado, a busca pela sensibilidade corporal transformada em movimento para o dialógo interno e com o mundo. Uma nova estética do oprimido, que leva o debate e a reflexão sobre temas tão ímpares como importantes: racismo, violência sexual, homofobia e qualquer tipo de preconceito ou violência.

Acontecerão também as oficinas Teatro do Oprimido e Paisagismo Sonoro a partir das obras de Boal e R. Murray Shafer, com Flávio Silva , Introdução às técnicas do Teatro do Oprimido, com Sarah Reimann, Alice Nunes e Ariane Cuminale, (alunos da UNESP) além de apresentações, debates e um fórum que terá como tema o Teatro do Oprimido na América Latina e no mundo.

Inscrições: enviar para este e mail brevíssimo currículo, indicando:
Procedência;
Grupo a que pertence;
Atividades correlatas;
Entidades em que desenvolvem seus trabalhos.


Não há taxas ou pagamento de inscrição.


I ENCONTRO LATINO AMERICANO DE TEATRO DO OPRIMIDO E DANÇA CONTEMPORÂNEA

"O cotejamento do Teatro do Oprimido com outras formas poéticas"

14 A 17 DE JULHO DE 2010
INSTITUTO DE ARTES DA UNESP
SÃO PAULO – BRASIL
Armindo Rodrigues Pinto
GTO IA UNESP
GRUPO RFEVOLUÇÃO TEATRAL

Fonte: teatroufal@yahoogrupos.com.br

terça-feira, 15 de junho de 2010

Prorrogada Inscrição para Festival de Tetaro e Dança

Atenção interessados em participar do 8º Festival Estudantil de Teatro e Dança:
Por solicitação do Funcultura, que incentiva o nosso projeto nesta edição, e a pedido de algumas instituições de ensino, FORAM PRORROGADAS AS INSCRIÇÕES PARA O EVENTO, podendo ser feitas na próxima segunda, quarta e sexta-feira, dias 14, 16 e 18 de junho, das 9h ao meio dia, no Teatro do Parque (tel. 3355 3113. Rua do Hospício, 81, Boa Vista). O regulamento - com os dados necessários no projeto - e ficha de inscrição devem ser solicitados pelo e-mail festivalestudantil@gmail.com Também por solicitação do Funcultura, iremos devolver todas as taxas cobradas - R$ 50 para instituições particulares e R$ 10 para instituições públicas, de grupos ou artistas ligados a escolas, universidades, ONGs ou cursos livres de teatro e dança, mas ainda é necessário fazer esse pagamento como calção e até mesmo como compromisso assumido com o FETD. MAS DEVOLVEREMOS TODAS AS TAXAS DURANTE O FESTIVAL, INCLUSIVE DAQUELES QUE NÃO FOREM SELECIONADOS. Já temos mais de 60 inscrições e esperamos ampliar este número, provando que o Festival Estudantil de Teatro e Dança é um evento consolidado e de grande importância para o nosso estado.
8º Festival Estudantil de Teatro e Dança
Inscrições prorrogadas nos dias 14, 16 e 18 de junho, das 9h ao meio dia, no Teatro do Parque. Participe!
Atenciosamente, coordenação do FETD.
Maiores informações: (81) 9146 2402 / 9223 3850 (Pedro Portugal - idealização e produção) / 9292 1316 / 3222 0025 (Leidson Ferraz - assessoria de comunicação).

Fonte: Leidson Ferraz

sexta-feira, 11 de junho de 2010

Dom João da Mata tem Curso de Teatro


O MEC em parceria com o governo do Estado, implantou na Escola Dom João da Mata Amaral, no bairro da Boa Vista, em Garanhuns, o projeto "Educação e Trabalho", onde pretende-se orientar a os educandos sobre toda a forma de mercado de trabalho e para isto está contando com uma equipe de professores capacitados e orientados a ministrarem os conteúdos proposto pelo projeto, tendo a frente a diretora Fátima. E, dentro desse universo, o projeto também oferece cursos voltados para formação artística, nas áreas de dança popular, com professora Michele Noronha, e de teatro, ministrada por Julierme Galindo. Todos os aulunos das 4 turmas do Ensino Médio participam efetivamente em horário de contra-turno buscando a excelência do programa.

quinta-feira, 10 de junho de 2010

Blog do Clébio Marques

Segue o link para quem tiver interesse em conhecer, seguir, ou visitar.

http://clebiomarques.blogspot.com

O Blog é Nosso

Oi pessoal, quero deixar claro que este espaço é dedicado a todos aqueles que desejam publicar ou contribuir com a popularização do teatro nas suas mais diversas linguagens.Portanto, todos os grupos, produtores, atores, etc. de preferência do estado de Pernambuco, que quiserem contribuir com o blog "Cena Teatral" podem ficar à vontade e enviar suas postagens para o meu endereço de e-mail que serão todos bem vindos.
Grande abraço a todos e aguardo material. Obrigado.

Julierme Galindo

segunda-feira, 7 de junho de 2010

Festival de Teatro Com Inscrições Abertas

Até o dia 30 de junho, grupos e companhias de teatro de todo o Nordeste podem enviar proposta de espetáculo para o XVII Festival Nordestino de Teatro de Guaramiranga. O evento acontecerá de 04 a 11 de setembro, em Guaramiranga, interior do Estado do Ceará. A Associação dos Amigos da Arte de Guaramiranga divulgou comunicado sobre a inscrições. O regulamento está disponível para download no site http://www.agua.art.br

Fonte: Representação Regional Nordeste do Ministério da Cultura

"Quem Ama Não Mata"



Esse foi o titulo do esquete apresentado por alunos das 6ªs Séries do Colégio Presbiteriano Quinze de Novembro. Dentro do projeto Sustentabilidade-AtuAção Faz A Diferença, a professora de quimica e biologia, Telma Mágno, desenvolveu o sub tema sobre preservação da Mata Atlântica. Com texto e direção de Julierme Galindo, a peça foi apresentada no dia 28/05 na comonidade da Liberdade, para alunos da Escola São Geraldo (fotos) e no Colunata, na Av Santo Antônio, no dia 29/05, ambos em Garanhuns-PE.

TEQ - Teatro Estudantíl Quinze


Colégio Quinze cria grupo de teatro. Trata-se do Grupo TEQ - Teatro Estudantil Quinze. O Colégio Presbiteriano Quinze de Novembro se prepara para colocar um grupo na cena teatral de Garanhuns e Região oriundo de entidade escolar, afim de levar o nome da cidade para festivais e mostras em que se possa fazer presente. O Grupo ainda está em preparação técnica recebendo aulas de iniciação teatral e em breve estará em cena com um espetáculo que terá titulo divulgado posteriormente.

Sexualidade é tema para Peça em Bom Conselho-PE



Em Bom Conselho-PE, estamos desenvolvendo um projeto pedagógico com a culminancia de uma peça teatral com o tema Sexualidade na Adolescencia, através da Secretaria de Educação do Municipio. Os educandos das Escolas Municipais, com faixa etária a partir dos 11 anos, receberão o grupo de teatro formado por 23 alunos da Escola São Geraldo daquela cidade e ainda a participação de um pedagogo e um profissional da saúde para reforço dos conteúdos abordados na apresentação. O espetaculo educativo deverá estar em cena até o mês de julho, com preparação, direção e texto, de nossa autoria, que também assinamos a coordenação geral do projeto, e a participação de Luide Rangel na criação e direção musical.

sábado, 5 de junho de 2010

Refletores Cia Teatral voltando aos palcos


A Refletores Cia. Teatral, grupo formado por atores e atrizes de Garanhuns-PE, já está se preparando para entrar em cena com um novo espetáculo. O texto ainda está sendo pesquisado, mas os encontros do grupo, que há mais de 15 anos faz parte da cena teatral da região, já acontecem semanalmente para estudo e pesquisa sobre a nova montagem.

Construíndo a Memória do Teatro Para a Infância e Juventude - Participe!


Olá! Através de um convite do Sesc de Santo Amaro, recentemente foi criado o Núcleo de Teatro Para a Infância e a Juventude, aberto a todos os interessados, com reuniões no Recife, no Teatro Marco Camarotti, duas vezes por mês, às segundas-feiras (nosso próximo encontro é dia 17 de maio, às 19h). Estamos discutindo várias ações para esta linguagem, como um maior contato de quem se dedica ao teatro para a infãncia e a juventude em todo o estado de Pernambuco, independente de cumprir temporada ou realizar apresentações esporádicas ou para escolas; uma pesquisa sobre o público frequentador; cadastro de adultos com interesse em saber a programação de espetáculos e, principalmente, um Catálogo de toda a produção realizada entre o ano 2000 até final de 2010.

Portanto, se você produziu desde o ano 2000 - o último do século 20 - , ainda está ou não em atividade ou pretende montar uma peça para crianças e adolescentes até o final deste ano, nos mantenha informado. Abaixo, segue um formulário para preenchimento dos dados. Precisaremos ainda de uma foto de qualidade de cada montagem, em resolução 300dpi, com o crédito do fotógrafo e dos artistas em cena. A publicação será viabilizada pelo Sesc Pernambuco. Por favor, nos ajude nesse levantamento. E divulgue a todos aqueles que fazem o teatro para a infância e a juventude em nosso estado.

Este meu novo e-mail (leidson.teatroinfanciape@gmail.com) é específico para estas informações e recolhimento do material. Dúvidas, me escreva.

Abraços, Leidson Ferraz - do Recife (81) 9292 1316 / 3222 0025.
leidson.teatroinfanciape@gmail.com

Nome do espetáculo:
Ano de estreia:
Realização:
Cidade de origem:
Cidades visitadas (inclusive de outros estados):
Ficha Técnica (somente criadores):
- Texto:
- Direção:
- Trilha sonora (se original):
- Coreografias:
- Plano de luz:
- Cenários:
- Adereços:
- Figurinos:
- Maquiagem:
- Elenco original:
- Intérpretes substitutos:
Prêmios recebidos:
E-mails de contato:







Amigos,
Estou repassando o e-mail de Paula de Renor porque é fundamental defendermos os avanços de uma política pública de cultura implantada pela Fundarpe na atual gestão de Luciana Azevedo e equipe.
Política de Estado e não de Governo.

Caros colegas, artistas e produtores,

Estamos passando um dos momentos mais críticos que enfrentamos nos últimos anos, desde o problema ocorrido com a Lei de Incentivo à Cultura no governo Jarbas, no que diz respeito a Fundarpe.

Tenho me preocupado bastante com o ocorrido e com o que o massacre da mídia e da bancada da oposição em época pré-eleição, pode acarretar de conseqüências para o futuro da Fundarpe e conseqüentemente o nosso também.

Não quero entrar no mérito dos problemas que têm sido divulgados pela imprensa. Acredito que a Fundarpe irá dar as explicações necessárias à sociedade, ao Tribunal de contas, ao Ministério Público, enfim, aonde lhe couber.

O que gostaria de chamar a atenção é que isso que está acontecendo não pode nos cegar! Não podemos negar a eficácia da construção de uma política cultural para Pernambuco, que tem sido criada nesta gestão, e que até então não tínhamos. Não podemos esquecer, deixar prá lá, agir como se nada estivesse acontecendo, ou simplesmente, esperar prá ver!

Independente de tudo que vem acontecendo, temos que reiterar o valor de Luciana Azevedo, que em todos os cargos públicos que ocupou, sempre deixou uma marca de honestidade, competência, vontade e muito trabalho. Venho a muitos anos acompanhando a carreira política de Luciana e como todos que acompanham sua trajetória, sei que ela sempre se destacou por onde passou. Sempre foi e continua sendo um exemplo de justiça, de compromisso com o coletivo, com a ética, sempre voltada para construção de um modelo de gestão pública democrática. Mesmo sem nunca ter trabalhado diretamente com cultura (apesar de enquanto vereadora estar sempre apoiando os artistas), quando assumiu a Fundarpe, em pouco tempo, conseguiu, com muita inteligência e trabalho, trilhar os caminhos corretos e eficazes para a formulação de uma política pública cultural para Pernambuco.

Nesses anos, ela e sua equipe, realizaram 111 fóruns e escutas e 154 conferências estaduais. Construímos junto com a Fundarpe, um modelo de política pública para cultura que foi premiado como o melhor do Brasil.

Luciana e sua equipe, conseguiu potencializar a cultura e trabalhá-la nas dimensões cidadã, econômica e simbólica, conseguindo credibilidade junto ao governador e com isso conseguiu nestes quatro anos de governo que as verbas do Funcultura passassem de 4 milhões em 2006 para 33 milhões em 2010, num investimento de 66 milhões só em editais, nestes 4 anos.

Artistas e produtores de outros estados, invejam nossa política cultural!

Com algumas convocações em cima da hora ou não, alguns setoriais dando certos ou não, não podemos negar que isso fez ressurgir a crença e a prática num modelo de gestão democrática, descentralizada e compartilhada. O interior nunca teve tanta oportunidade de participação nos editais e programas culturais!

O resultado destes fóruns é a implantação de uma lei com um plano de gestão que nos libertará da vontade política do governo A, B ou C. Quem assumir a pasta da cultura, terá de dar continuidade ao que está começado e não a cada 4 anos iniciar um plano de gestão diferente, isto é, se houver plano de gestão...

Estamos quase conseguindo concretizar esta lei, e não podemos perder isso agora.

Nunca fui cabo eleitoral de Luciana nem de político algum. Não sou do PT, PCdoB, PSB, PQP, de partido nenhum! Não estou fazendo estas considerações porque tenho interesses particulares ou implícitos. Tenho tanta abertura neste governo como tive no outro, e vale salientar que no outro, trabalhei bem mais! Meu partido é meu trabalho. Precisamos defender o que conquistamos, pois o que Luciana está implementando é um reflexo de nossas vidas de realizações e atividades, de reivindicações e participação social e política.

Os artistas e produtores que estão com cachês atrasados na Fundarpe, ou que não foram contemplados pelos resultados do Funcultura, se sentindo injustiçados, por favor, não sejam radicais e se coloquem contra Luciana Azevedo e a Fundarpe. Existe algo maior que isso. Se Luciana sair agora, quem assumirá? O que vai acontecer com todo plano de gestão que vem sendo construído?

Pessoal, vamos dar o mérito merecido à Fundarpe e a Luciana. Precisamos estar juntos nessa ora e mostrar ao governador que acreditamos, reconhecemos e valorizamos o que vem sendo construído por Luciana na Fundarpe!

Por isso tudo que exponho, peço que todos vocês passem e-mails e telegramas para o Palácio do Governo, dizendo da importância do que vem sendo construído por Luciana Azevedo à frente da Fundarpe. Podem ser só frases. Repassem para seus mailings, vamos encher de e-mails e telegramas o governador e a Assembléia Legislativa! Esta campanha já começou e muitos já enviaram suas mensagens!

Vamos fazer isso, defendendo e lutando pelo que conquistamos juntos!

Abraços a todos.

Paula de Renor

Atriz, produtora cultural, diretora do Teatro Armazém, Ponto de Cultura Centro de Diversidade Cultural Teatro Armazém.

E-mails Palácio: governo@governadoria.pe.gov.br
renatothiebaut@gmail.com
beatriz.andrade@governadoria.pe.gov.br

E-mail do presidente da Assembléia: guilherme_uchoa@alepe.pe.gov.br

Endereço do Palácio para telegramas:

Ao Governador Eduardo Campos
Palácio do Campo das Princesas
Praça da República S/N
CE: 50.010-928

Paula de Renor
Fone: (081) 92525911/32242787
pauladerenor@terra.com.br


Clébio Marques
www.clebiomarques.blogspot.com
www.nacaocultural.pe.gov.br/clebiomarques
www.artepe2004.blogspot.com
Já estão abertas, até DIA 11 (ONZE) deste mês, uma sexta-feira, as inscrições para o 8° FESTIVAL ESTUDANTIL DE TEATRO E DANÇA, que será promovido de 12 a 29 de agosto, pelo produtor Pedro Portugal, nos teatros Apolo e Parque, no Recife, com grupos ligados a escolas públicas e privadas, universidades, ONGs e cursos de teatro e dança EM TODO O ESTADO. O objetivo é reunir estudantes em espetáculos adultos ou infanto-juvenis, incluindo montagens com bonecos, nas categorias estreante e avançado (grupos que já participaram do evento e o diretor possui, no mínimo, três direções realizadas, com comprovação), e coreografias nos mais diversos estilos. O tempo para cada trabalho deve ser de 1h, no máximo, em teatro, e até 10 minutos em dança. As inscrições devem ser feitas no TEATRO DO PARQUE (e não mais no Hermilo Borba Filho, como nos outros anos), em horário comercial, ao preço de R$ 50 (cinqüenta reais) para instituições privadas e R$ 10 (dez reais) para instituições públicas. NECESSIDADES DOS PROJETOS E FICHA DE INSCRIÇÃO devem ser solicitadas pelo e-mail festivalestudantil@gmail.com Contatos: Pedro Portugal (81) 9146 2402 ou 3222 0025 / 9292 1316 (com Leidson Ferraz - assessoria de comunicação).

Favor repassar aos interessados.

Fonte: Leidson Ferraz